O marketing digital nos oferece possibilidades nunca antes vistas na era pré-internet. A flexibilidade, alcance das mensagens a baixo custo e mensuração das campanhas são algumas das vantagens. Entusiasmados com esses benefícios, muitos optam pelos links patrocinados.

No entanto, acabam cometendo erros no Google AdWords, que poderiam ser evitados. Tendo em vista que a ferramenta possibilita anunciar por meio da Rede de Display e dos links patrocinados, o foco deste conteúdo será direcionado para o segundo formato. 

Quer conhecer quais são os principais erros cometidos ao anunciar pelo Google AdWords? Confira:

1. Não pesquisar as palavras-chaves

Quando você não dá a devida atenção às palavras-chave, toda a sua estratégia pode ser comprometida. De fato, elas são essenciais para que as pessoas que te encontram sejam qualificadas. Afinal, a última coisa que você precisa é pagar para aparecer para o público errado.

O ideal para isso não acontecer é buscar por palavras-chave de cauda longa, ou seja, mais específicas. Sendo assim, mesmo que o volume de buscas seja menor, você terá mais chances de conversão. O KeyWord Planner é a ferramenta ideal para fazer essa pesquisa.

2. Não segmentar da forma correta

Não faz sentido mostrar seu anúncio para pessoas em todo o Brasil se você vende apenas para o estado de São Paulo. Do mesmo modo, não há razões para impactar adolescentes se o seu público é formado por pessoas mais velhas.

Ou seja, tome bastante cuidado ao preencher essas informações, pois elas custam caro. Isso porque quando alguém clica em seu anúncio, você pagará por ele. Então selecione bem quem você quer atingir para não cometer esse erro no Google AdWords.  

3. Não incluir um call to action

call to action (chamada para a ação) é responsável por estimular os usuários a praticar determinada atividade. Pode até parecer um detalhe irrelevante, mas faz toda a diferença no final das contas.

Se você quer anunciar uma nova promoção, por exemplo, pode colocar na descrição: acesse o site e vejas nossas promoções. Sobretudo, é preciso ter em mente o que você quer antes de criar aqueles anúncios.

4. Não verificar a URL

Imagine que você encontrou um anúncio falando que tal bicicleta elétrica está com desconto. Ao clicar no link, você é direcionado para a home do site e não consegue encontrar o produto. Com certeza a sua reação não será das melhores.

Portanto, é crucial verificar se a página de destino é condizente com o que está sendo anunciado. Se o usuário entrar em seu site para procurar determinado serviço ou produto e não encontrar, sairá com má impressão.

5. Não mensurar os resultados

Quando você inicia uma campanha do Google AdWords e não acompanha os resultados, seus anúncios não terão o melhor desempenho. Se a plataforma disponibiliza ferramentas para essa finalidade, não há motivos para não usá-las.

Calcular o ROI (retorno sobre o investimento), por exemplo, é umas das ações mais importantes para saber se o investimento está valendo a pena. Se você não faz isso, está jogando com a sorte. Com ela, é possível acompanhar os resultados até mesmo durante a veiculação dos anúncios. Dessa maneira, você pode pausar a campanha, ajustar o que for necessário e retomá-la.

Começar uma campanha requer alguns cuidados, por isso os erros no Google AdWords costumam ser comuns. A melhor maneira de minimizar os riscos é deixar as ações de marketing nas mãos de uma equipe especializada. Sendo assim, você terá mais tempo para cuidar de outras tarefas essenciais dentro da empresa.

Quer saber mais sobre investimentos em marketing? Conheça as 5 dicas para otimizar a verba de marketing da sua empresa